quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Cinema - Contos, Poemas e Crônicas Participe Escrevendo Textos

O cotidiano quadro a quadro - Continuum Itaú Cultural


Pode ser ficção ou documentário, não importa. Os filmes que chegam às telas de cinema têm como matéria-prima os sentimentos humanos. Nesta edição, a Continuum aborda o caminho inverso: a influência que o cinema exerce sobre a vida dos espectadores e daqueles que trabalham com a sétima arte, seja produzindo-a, seja analisando-a.

Daniela Thomas, a entrevistada do mês, conta como o cinema está em tudo o que faz e comenta sobre seu último filme, Linha de Passe, dirigido em parceria com Walter Salles. O crítico Luiz Carlos Merten e os cineastas Heitor Dhalia e Carlos Reichenbach estão entre os profissionais que respondem à pergunta "Qual filme mudou sua vida?", em enquete que você encontra na versão eletrônica da revista. Nas reportagens, desvendamos o paradeiro de Estamira, personagem do documentário de Marcos Prado, e o de Monga, monstro que continua assustando visitantes de parques de diversão.

Envie sugestões, reclamações e elogios para continuum@itaucultural.org.br. Você também pode participar escrevendo textos (contos, poemas, crônicas, artigos etc.) sobre o tema. Veja como.

imagem: Cia de Foto

Um comentário:

Alexandre Brendim disse...

Sem parar para pensar, o filme que mudou minha vida foi:

La Vita è bella de Roberto Benigni

Eu pensava que era um ótimo pai até ver o filme.

Aprendi a rever vários conceitos, a dar mais valor a quem realmente importa.

Hoje minha vida são meus filhos e devo muito a este filme, por aprender que sempre dá para fazer mais pelas nossas crias.